Alexandre de Moraes no STF. Por que tanta polêmica? | Politicos Do Brazil
Alexandre de Moraes no STF. Por que tanta polêmica?
Por admin
07/02/2017

Com a recente morte de Teori Zavascki, vitima de um acidente (até que se prove o contrário) no RJ, vagou uma cadeira no STF, o ápice da “justiça” brasileira. Supostamente ali ficam os bam bam bam na cadeia alimentar no que se refere a aplicação de leis e revogação de leis.

Pois bem, Teori era o relator da Lava Jato e tinha em sua mãos em torno de 77 (ou mais) nomes de pessoas ligadas à esquemas de corrupção. Muitos nomes, dizem, são de verdadeiros tubarões da nossa política, que imaginavam agora nadar em águas calmas, mas dançaram bonito. E sem par.

A relatoria ficou nas mãos de Fachin e a ministra Carmen Lúcia, ou Bento Carneiro: o vampiro brasileiro, já mandou dar continuidade na relatoria que envolve esses nomes. Muita gente tremendo nas bases, escorrendo pelas pernas…

A turma do STF é composta por 11 nomes. São 11 vampiros que sugam o dinheiro do povo, com salários e mordomias vultuosas. E põe vultuosas nisso… à saber:

Edson Fachin (que será o novo relator da Lava Jato)

Entrou em 2015

Indicado por Dilma

Aposentadoria em 2033

fachin

Roberto Barroso

Entrou em 2013

Indicado por Dilma

Aposentadoria em 2033

barroso

Rosa Weber

Entrou em 2011

Indicada por Dilma

Aposentadoria em 2023

weber

Luiz Fux

Entrou em 2011

Indicado por Dilma

Aposentadoria em 2028

fux

Dias Toffoli

Entrou em 2009

Indicado por Lula

Aposentadoria em 2042

toffoli

Gilmar Mendes

Entrou em 2002

Indicado por Fernando Henrique Cardoso

Aposentadoria em 2030

gilmamendes

Marco Aurélio Mello

Entrou em 1990

Indicado por Fernando Collor de Mello

Aposentadoria em 2021

marcoaurelio

Celso de Mello

Entrou em 1989

Indicado por José Sarney

Aposentadoria em 2020

celsomello

Carmen Lúcia (ou Bento Carneiro)

Entrou em 2006

Indicado por Lula

Aposentadoria em 2029

lucia

Ricardo Lewandovski

Entrou em 2006

Indicado por Lula

Aposentadoria em 2023

lewa

Notaram algo comum na maioria dos nomes? Dos 10 ministros, 7 foram indicados pela dupla dinâmica Lula/Dilma. Ou seja, eles tem ampla MAIORIA no STF. Será que é por isso que o STF é chamado de “puxadinho do PT”? Estamos apenas perguntando…

Faltou um nome nessa lista? Sim. Justamente o de Teori Zavascki. Mais um indicado por Lula/Dilma. São 11 ministros, dos quais 8 são indicação direta do PT.

No lugar de Teori se especularam vários nomes, entre eles até o nome de Moro foi ventilado. Mas Moro não pode ser ministro do STF, pelo simples fato dele estar à frente da Operação Lava Jato.

Depois de “quebrar” muito a cabeça, o presidente Michel Temer resolveu indicar ao cargo, na vaga de Teori, um nome comum a ele que inclusive era seu Ministro da Jusitça. Foi uma decisão caseira, ele optou pelo mais “fácil” e indicou Alexandre de Moraes.

Pra você que não sabe muito sobre a vida do novo indicado ao STF, clique nesse LINK.

Continuando…

A indicação de Alexandre já vem causando muita polêmica. São muitos votos contra e muitos a favor. Aqueles que são contra, você que está lendo o artigo, deve imaginar… são os mesmos de sempre: a esquerda brasileira. Afinal, pra eles, tudo está errado quando eles não fazem parte do esquema. Eles sempre estarão criticando quando não lhes favorecer. Foi, é e sempre será assim.

Um dos grandes nomes da magistratura brasileira, o ex ministro Francisco Rezek, é amplamente favorável ao nome de Alexandre de Moraes, por considerá-lo um nome de personalidade e justo. Cá entre nós, são 2 qualidades imprescindíveis pra quem pleiteia um cargo com esse nível de responsabilidade.

Gilmar Mendes, ministro ativo do STF, quando questionado sobre o tema, disse também que Alexandre tem todos os “predicados” para ocupar uma cadeira no Supremo. Outro nome de peso.

O PT, sempre ele, por meio de seus representantes, disse ser contrário ao nome de Moraes por um motivo no minimo peculiar… eles dizem que o indicado ao STF é filiado ao PSDB. É tão ridículo uma afirmação como essa, não pelo fato da filiação que é verdadeira, mas pelo simples fato de que indicados pelo PT eram filiados ao partido, como por exemplo Dias Toffoli.

A senadora, mulher do homem que roubou aposentados, Gleisi “narizinho” Hoffmann também é contrária ao nome de Moraes. Mas essa nem vale a pena tecer um comentário, né? Próxima…

Colocando na balança da ética, o nome de Moraes é um bom nome. Obstante o fato dele ser um pouco estabanado e as vezes, meter os pés pelas mãos quando abre a boca, a tendência é que ele se saia bem no cargo.

A ideia de que Temer o colocou lá porque terá “facilidades” quando no julgamento do presidente no Supremo, tipo uma troca de favores, não pode ser totalmente descartada, mas é um exercício de megalomania principalmente do PT. Acaso esqueceram das facilidades que tiveram, principalmente com o ministro Toffoli? Não que seja algo honesto e nem deve ser praticado, mas “chumbo trocado não dói”.

Alexandre de Moraes terá que ser sabatinado na Comissão de Constituição e Justiça para conseguir sua vaga, mas isso é apenas formalidade, já que ele é indicado pelo presidente e só isso basta. Agora só resta torcer para que ele seja pelo menos imparcial em seus votos. É isso que todo ministro do STF deve ter. Imparcialidade.

Antes de terminar, deixaremos uma pergunta: quem será o novo Ministro da Justiça? Esse cargo é estratégico e precisa de um nome de pulso. Vocês tem algum nome em mente? Deixem nos comentários.

Em breve, um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2018