A democracia realmente existe no Brasil? | Politicos Do Brazil
A democracia realmente existe no Brasil?
Por admin
01/03/2017

Desde que o Brasil se tornou uma república, uma parcela muito grande de sua população entoa aos 4 cantos que vivemos uma democracia plena.

Essas pessoas (na verdade seus descendentes) citam apenas o periodo do regime militar como um hiato nessa tal democracia. Dizem que vivemos uma “ditadura”que só terminou em 1985 com eleições “diretas” para presidente.

Na verdade, temos 2 erros históricos: NUNCA tivemos uma ditadura no Brasil e muito menos tivemos eleições diretas em 1985. Explica-se: durante 21 anos (1964-1985), o Brasil foi governado por militares que se alternaram no poder nesse tempo e que foram pedidos pelo povo, igreja e empresariado para conter uma onda comunista que queria, a qualquer preço, implantar a ditadura do proletariado no país. E quanto ao voto direto, nada disso aconteceu, já que os postulantes ao cargo foram indicados por um colégio eleitoral, tanto Tancredo Neves/Sarney como Paulo Maluf/Marcilio tiveram essa pecha. O resultado todos sabem e quem não sabe, procure no Google a resposta.

Nossa primeira eleição efetivamente decidida pelo “povo” foi em 1990.

Naquela época ainda tinhamos eleições feitas em cédulas de papel. Algumas bizarrices aconteciam nesse método e com o tempo, as cédulas foram trocadas por urnas eletrônicas. Mas se com cédulas de papel tinhamos bizarrices, com as urnas eletrônicas o pior aconteceu… tivemos e teremos enquanto as urnas vierem da Venezuela, fraudes homéricas em várias eleições. A principal e mais discutida é a reeleição de Dilma “estoca vento” Rousseff. Falamos sobre isso nesse link.

No começo do artigo dissemos que os incautos acreditam piamente que vivemos uma democracia plena, correto? Mas… segundo a o site dicio.com.br, o significado de democracia é:

  • Governo em que o poder é exercido pelo povo;

  • Sistema governamental e politico em que os dirigentes são escolhidos através de votos populares;

  • Regime que se baseia na ideia de liberdade e de soberania popular, regime em que não existem desigualdades e/ou privilegios de classes;

  • Nação ou país em que os preceitos se baseiam no sistema democrático

Se levarmos a ferro e fogo, alguém consegue acreditar que vivemos mesmo numa democracia, levando em conta esses pontos citados? Evidente que não.

democracia_augustobranco

Pensando apenas em 2 pontos: no Brasil o poder não é exercido pelo povo, aqui quem exerce o poder são os politicos e que geralmente não foram escolhidos pelo povo em si, mas em esquemas corruptos de propinas e compras de votos. Isso é ponto pacifico. Na democracia não existem desigualdades e/ou privilégios de classes, né? Pois bem, isso acontece no Brasil? Não! Aqui o que mais temos é uma desigualdade absoluta entre pessoas que vivem num mesmo local e um privilégio pornográfico de uma camada pequena da população, mas que mesmo sendo pequena é essa camada quem manda no país. Alguém tem dúvidas?

Agora, onde realmente podemos afirmar com toda convicção de que o Brasil não é um país democrático de verdade é no voto.

Alguém que esteja lendo esse artigo pode pensar agora: como assim, no voto? Oras, conseguimos o direito de votar depois de 21 anos sendo governado por militares. Quem não se lembra do “Diretas Já”???

Bom, meu pequeno curumim, não existe democracia plena e por um motivo simples… o brasileiro é OBRIGADO a votar. Quando você é obrigado a fazer algo, é evidente que o regime adotado no país está longe de ser uma democracia. E essa falácia de que “conquistamos o direito de votar” é tão patética que parece incrível que uma pessoa acredite realmente nisso.

O “direito” de votar não pode vir acompanhado de uma obrigação em exercer esse “direito”. Se o sistema é realmente democrático, o correto seria a população do país ter o direito adquirido de votar ou não. Sendo mais objetivo, o voto teria que ser facultativo, vota quem quer, simples assim.

Estranhamente a pauta do voto facultativo nunca foi defendida com vigor por politico algum. Mas isso é até compreensível. Afinal, se o voto for facultativo, muitos dos caciques que ai estão e fizeram da politica sua profissão, podem simplesmente sumir do mapa político. E convenhamos, quando se trata de cuidar do próprio bolso, os politicos brasileiros são experts no assunto.

Ah, e esse não é um “privilégio” da esquerda. Nada disso. Todos os politicos, sem exceção, tem esse pensamento. Pra eles, o brasileiro tem sim que ser obrigado a votar, mesmo que em suas campanhas publicitárias eles repitam a exaustão que o direito ao voto está sendo exercido. Uma hipocrisia sem limites. Uma fraude politica.

Em breve, um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2018