A aposentadoria de Dilma Rousseff é uma fraude! | Politicos Do Brazil
A aposentadoria de Dilma Rousseff é uma fraude!
Por admin
24/08/2017

Ficamos um bom tempo sem falar da “estocadora de ventos” Dilma Rousseff que, por uma infelicidade muito grande, desgovernou nosso amado país por longos e intermináveis 5 anos, até ser chutada do cargo a pouco mais de 1 ano.

Obstante o fato de ter um passado negro, onde constam atividades guerrilheiras, assaltos a bancos, além de um assassinato, a vida politica da dita senhora sempre foi uma nuvem negra que pairou acima de nossas cabeças.

Só de ter nascido politicamente no PDT, de Leonel Brizola, isso já bastaria para taxar-lhe como uma esquerdista sem nenhum escrúpulo e a representante da mais baixa da linhagem feminina na esfera política nacional brasileira do Brasil.

Mas em se tratando da esquerda é óbvio que tudo pode piorar. E assim aconteceu com a senhora Dilma Roussef. Depois de sair do PDT, sabe-se lá porque, ela aportou toda sua inteligência (?) no único partido que tem tudo a ver com seu passado e que lhe abriria as portas com o maior prazer do mundo mundano. E assim ela se filiou ao PT.

A partir dessa união com a parte mais mesquinha da política nacional, sua “carreira” politiqueira levantou asas (tipo redbull) e ela se viu em meio a ninhada de cobras vermelhas, tendo o grande “cacique” Luis Inácio como seu grande mentor “intelectual”. E assim foi. Com essa ajuda do partido que ajuda todos, desde que sobre algum por fora, ela conseguiu cargos importantes na hierarquia política, desde Ministra de Minas e Energia, passando por Ministra Chefe da Casa Civil (cargo que ela quis doar para Luis Inácio em momento oportuno) até chegar ao grau máximo da nação, ou seja, ela conseguiria se tornar a presidente da República.

Pra quem vê de fora essa trajetória, ainda mais não sabendo de seu passado nebuloso, pode ter em mente que ela foi uma vencedora, assim como dizem muitos militantes pagos com mortadela, de que ela representa o empoderamento da mulher (termo cretino), etc e tal… mas não é bem assim que a banda toca, caros (as) leitores (as)! Tanto é verdade que, como dito anteriormente, ela foi chutada do cargo por incompetência, pedaladas fiscais, além de uma vasta gama de corrupção que a acompanhava desde que ela era a responsável direta pela Petrobras.
Diferente do ocorrido com Collor, que também foi impichado, mas teve seus direitos políticos cassados por 8 anos, com a senhora Dilma o Congresso foi, digamos, mais magnânimo e assim ela não perdeu seus direitos politicos e mais ainda, continuou tendo a disposição seguranças, seu salário e viagens custeadas pelo povo brasileiro. Um verdadeiro escárnio sem precedentes nos nossos 517 anos de descobrimento.

Pois bem… não há nada na esquerda que não seja ruim que não possa piorar, correto? E assim a multiplicação da safadeza se fez com dona Dilma… como não tinha mais cargo politico e passava a maior parte do seu tempo ocioso viajando pra cima e pra baixo com o dinheiro público, a distinta senhora teve uma ideia: por que não me aposentar? Afinal, já tenho 70 anos, já “trabalhei” muito e já “contribui” com o país mesmo!!!!

É isso ai. Achando-se no direito pleno de pedir sua “merecida” aposentadoria, eis que Dilminha Paz&Amor pegou seus documentos, colocou em uma pasta transparente, ajeitou seu cabelo, arrumou seus sapatos, passou seu melhor batom e foi, toda saltitante, pleitear seu “direito adquirido”.

Bom, o normal seria ela fazer como qualquer pessoa lúcida, ou seja, ir até um posto do INSS com seus documentos e dar entrada em sua aposentadoria. Feito isso, apenas aguardar a confirmação e começar a receber seu “suado” dinheirinho, fruto de muitos e muitos anos de “trabalho” incessante por esse Brasil de meu DEUS.

Mas gente, desde quando a esquerda faz algo de forma normal e natural??? E claro que com a presidente impichada não seria diferente. Ela não fez os tramites normais e legais. Muito pelo contrário. No dia 1 de setembro de 2016, ela juntamente com o ex ministro da previdência Carlos Gabas e uma secretária pessoal, adentraram pela porta dos fundos de uma agencia do INSS em Brasilia. Ali, como tudo que a esquerda faz, a aposentadoria de Dilma Rousseff foi concluída de forma irregular.

Mas calma que ainda tem mais… além de conseguir irregularmente sua aposentadoria, falando fila na cara dura, ela ainda conseguiu o absurdo de se aposentar com o teto da Previdência que está em 5.189 reais.

Toda essa canalhice se deu graças a ajuda pilantresca de 2 servidores do órgão que manipularam descaradamente o sistema (isso é crime federal!) para conseguir aprovar o beneficio a “trabalhadora” Dilma Rousseff. A servidora Fernanda Doerl é a responsável direta pela manipulação irregular do sistema do INSS e será punida, assim com o ex ministro Carlos Gabas.

Tudo isso já seria um grande absurdo vindo de qualquer pessoa, mas toma proporções gigantescas por se tratar de uma mulher que um dia foi presidente da República e também pelo fato do seu partido criticar ferozmente as reformas trabalhistas propostas pelo presidente Michel Temer que, segundo eles, vai inviabilizar futuras aposentadorias dos trabalhadores brasileiros. É um tapa bem dado no rosto daqueles que pagam seus impostos de maneira honesta e veem alguém que deveria dar exemplo, simplesmente dar a famosa “carteirada” e obter privilégios.
Um completo absurdo que ultrapassa todas as barreiras do bom senso.

Em breve, um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2017