O absurdo ocorrido no MAM é arte ou pedofilia? | Politicos Do Brazil
O absurdo ocorrido no MAM é arte ou pedofilia?
Por admin
02/10/2017

O tempo passa, o tempo voa e a política e politicagem brasileira vivem momentos extremamente delicados em todos seus níveis conhecidos e desconhecidos.

As maneiras estranhas e bizarras como ela vem se portando ao longo do tempo em nosso país está deixando todos e todas de cabelos em pé, mesmo que seja um careca… vale o cabelo que cresce dentro da orelha também, só pra não perder a piada.

Por essas ironias do destino, a população acaba ficando refém dos ratos da política nacional tupiniquim. É algo inerente ao ser humano que desde sempre acaba sendo domesticado por outras pessoas que, invariavelmente, tem menos capacidade mental para isso, só que vale a máxima: quem não gosta de política, acaba sendo governado por aqueles que gostam. Triste? Mas verdadeiro…

Um dos pilares da sociedade moderna e quem vem sendo sistematicamente atacado por todos os lados e enchendo todos os buracos é a arte. Algo que tem muitas vertentes, a arte se destaca no mundo desde os tempos antigos, pra ser mais preciso desde que o homem apareceu na terra, quando os homens sapiens (não existe mulher sapiens, viu Dilma) desenharam nas rochas espalhadas tanto pelo Brasil, quanto pelo mundo.

Quem nunca se deparou na escola com aulas de Educação Artística, mesmo que seja apenas pra desenhar uns pauzinhos e em cima fazer um circulo, querendo dizer que desenhou um homenzinho. É como dito, a arte acompanha o ser humano desde sempre. Só que com o advindo da esquerda tomando conta do nosso país, a ideia de arte ficou muito deturpado. Onde muitos enxergam aberrações, a esquerda enxerga arte. Claro que apenas para contrariar. Eles nada conhecem sobre isso.

A arte tem várias formas: desenhos, teatro, televisiva, quadros em galerias pelo mundo afora, estátuas, museus, enfim ela se manifesta em vários momentos, locais e situações.

Mas infelizmente como vivemos em um país atrasado e contaminado pela forma canalha de pensar sobre vários assuntos, a palavra arte, como dito acima, acabou se perdendo ao longo do tempo.

A grande prova disso tudo tivemos na semana que passou. No grande MAM (Museu da Arte Moderna) que é de propriedade da família controladora do Itaú, tivemos um exemplo infeliz da deturpação em nome da arte.

Quem não esteve tomado pela droga pesada ou num retiro espiritual em Trindade, ficou sabendo do absurdo que aconteceu naquele local que deveria ser um orgulho dos paulistanos. A performance intitulada “La Bête” que em português significa “A Besta”, acabou gerando enormes controvérsias na sociedade brasileira. Tudo porque o artista Wagner Shwartz aparece na performance totalmente nu. Oras, mas desde quando um artista ficar nu tem algum problema??? Nenhum. Desde que na mesma mostra, crianças não estejam participando.

Porém, além de participarem, as crianças foram incentivadas a apalpar o artista completamente pelado, como veio ao mundo. O incentivo partiu das próprias mães, sendo que uma delas é ativista do PT e ex funcionária do Itaú, um dos incentivadores da mostra.

Mas afinal de contas, qual o grande problema em tudo isso?

Acompanhem o raciocínio… a herdeira do Itaú tem um fortuna bilionária, porém pediu via Lei Rouanet o valor para que a mostra pudesse acontecer, isso configura um assalto aos cofres públicos, haja visto que ela não precisaria correr atrás de dinheiro público para esse fim, correto? Como um “espetáculo” onde crianças enxergam um adulto nu e ainda o apalpam pode ser chamado de arte? Isso é no minimo configura pedofilia. Uma criança que é colocada numa situação como essa não vai ter discernimento para lutar contra um estranho que venha a fazer algo igual com ela, seja em sua casa ou em outro local, ela vai achar super normal porque foi incentivada pela própria mãe para fazer tal ato.

Mas por mais louco que possa parecer, não vemos erro por parte do artista. Ele é o menos culpado nisso tudo. Se tem culpados nessa história são: o MAM que abre suas portas para essa aberração e as “mães” que incentivam seus filhos a verem e colocarem suas mãos em um homem completamente sem roupas, como se aquilo fosse a coisa mais normal do mundo. E não é!

Infelizmente nossas crianças estão virando alvo fácil de uma sociedade nojenta que não consegue diferenciar o que é arte e o que é algo ilícito, como pedofilia, por exemplo.

Qual é o futuro para nossas crianças, tendo adultos tão irresponsáveis assim? É profundamente lamentável…

Em breve, um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2017