Aécio Neves é réu no STF! A narrativa petista foi pro espaço! | Politicos Do Brazil
Aécio Neves é réu no STF! A narrativa petista foi pro espaço!
Por admin
17/04/2018

O dia de esfarelar a narrativa petista de que a justiça só tem olhos para o PT e a esquerda finalmente chegou! Depois de meses e meses tentando a todo custo tornar Aécio Neves um réu no STF, agora é oficial e ele à mais um que terá seu destino selado pela turma que negou o HC para o ex presidente Luiz Inácio.

Faz-se necessário lembrar aos desmemoriados que o próprio PT fez de tudo para Aécio não perder seu cargo de senador em um determinado momento no ano de 2017. No frigir dos ovos, são todos amiguinhos, todos visitam as casas de todos e todos trocam caricias entre todos, que acabam ficando todos muito doidos.

Não vimos em momento algum a esquerda indo pras ruas pedindo a prisão de Aécio. Alguém viu? Hã? Hum? Quando? Onde? Por que? Nada disso! Nunca foram e nunca iriam, porque como dito em outro artigo nosso, quem vota em PSDB um dia votará no PT. Isso está no DNA de ambos.

E olha, o negócio foi bruto. São 5 ministros do STF (1ª turma) para dar seus pareceres e foi uma verdadeira goleada! Placar de 5×0 contra o senador mineiro. Agora ele está num seleto grupo de políticos que são réus e estão nos longos braços da Lava Jato. Que coisa linda. Rolou uma lágrima aqui…

Um recado aos petistas: agora é a vez de vocês soltarem fogos, irem na Paulista (ou em qualquer lugar do Brasil) e dizer com toda força que a justiça NÃO é seletiva e pega todo mundo, independentemente da sigla partidária! Gritem com toda força!!!!

E mais vez devemos agradecer ao STF. Poxa, já é a 2ª vez em poucos dias que nos rendemos aos ministros que, num surto de honestidade, parece que finalmente começaram a ouvir as vozes do povo. Valeu STF (aceito criticas)!

Em breve, mais um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2018