Por que a maior parte da imprensa brasileira critica a PM e dá beijo na boca de bandidos? | Politicos Do Brazil
Por que a maior parte da imprensa brasileira critica a PM e dá beijo na boca de bandidos?
Por admin
15/05/2018

Desde que o PT galgou o poder em 2003, um fenômeno muito estranho vem tomando conta das várias formas de comunicação que temos no país.

Em especial, a imprensa nacional vem se tornando um bunker de esquerdistas que proliferam mentiras e tem apenas um lado, o lado de quem faz o errado. Para essa parte da imprensa, não são todos obviamente, fazer o errado é o certo hoje em dia. E quem faz o certo vira alvo fácil de criticas pesadas, daquelas que faz qualquer profissional repensar suas atitudes. Na verdade, os profissionais que não tem personalidade se deixam levar.

Os casos vem pipocando aos montes desde 2003. Quantas vezes você não ligou sua televisão e viu o seguinte: um bandido rouba e mata uma pessoa, mas para uma parte da nossa imprensa ele é apenas “suspeito”. São inúmeros os casos. Se formos detalhar um por um, vamos precisar de um livro e não um simples artigo de blog. Por isso vamos focar num caso que aconteceu recentemente e virou noticia até na imprensa internacional. E esse caso vai exemplificar de maneira perfeita como o rabo vem abanando o cachorro a pelo menos 15 anos em nosso lindo Brasil varonil.

O caso em questão é da policial militar Katia da Silva Sastre. Acompanhem com muita atenção.

Ela estava de folga e foi à escola da filha para participar de uma comemoração do Dia das Mães. Seria apenas um dia normal se não fosse por um detalhe: um bandido armado apareceu de repente apontando a arma para as mulheres e crianças presentes na porta da escola, esperando para adentrarem e começar a festinha. Ele chega com a arma engatilhada anunciando o assalto. Tentem imaginar o desespero que tomou conta dessas mães e crianças!!! Não satisfeito, ele foi até o segurança da escola para ter certeza que ele não estaria armado. Evidentemente que se ele estivesse armado, seria executado ali mesmo. Ou alguém tem dúvidas?

Só que ele não contava com a presença da policial militar. Ela sacou sua arma e alvejou o marginal com 3 tiros, sendo 2 no peito e um na perna. Atenção: o meliante atirou primeiro, ela apenas revidou! Com o cidadão caido, ela o imobilizou até a chegada da ambulância. Ele foi levado para o hospital, mas entrou em óbito.

A PM foi homenageada por seu ato de bravura pelo governador Márcio França (PSB). Deu entrevista explicando toda a dinâmica envolvendo o caso em si e tudo certo. Ela fez o que tinha que ser feito no momento. Salvou a vida de muitas crianças, principalmente, e também salvou a vida de várias mães, incluindo a sua. Em qualquer país do mundo (civilizado), ela teria honrarias das mais variadas formas.

Mas, porém, contudo, todavia… estamos no Brasil, não é mesmo? E aqui as coisas funcionam ao contrário, como citamos no começo do artigo. Muitos profissionais da nossa imprensa, seja ele escrita ou televisiva, simplesmente criticaram a atitude da PM. Para esses abobados, o correto seria ela “desarmar” o meliante e dar voz de prisão. Não simplesmente “executar” a criatura. Foi colocado em aspas porque é simplesmente ridículo usar esses termos num caso como esse. É um disparate e uma hipocrisia sem fim ao menos mencionar certas insanidades!

Alguns chegaram ao cumulo de mencionar a cor do rapaz. Disseram que ele foi morto porque era negro! Gente… isso é chamar a sociedade que acredita no certo de idiotas! O cidadão chegou com a arma engatilhada! Ele estava ali para matar ou morrer! Para ele, matar mulher ou criança não faria a menor diferença! Uma pessoa assim não tem o mínimo de amor por ninguém! Como dito no começo do artigo, ele iria executar o segurança, caso ele estivesse armado! Por que? Porque ele sabe que vivemos no país da impunidade! Caso ele fosse preso, com 1/6 da pena cumprida ele estaria em liberdade! E suas vitimas nunca mais veriam a luz do dia!

É duro ver que algumas pessoas são complacentes com bandidos e simplesmente mandam as favas aqueles que estão aqui para nos proteger, no caso os policiais. Oras… se você não fizer nada de errado, qual a chance da policia colocar te colocar no xilindró? Praticamente nula! Agora, o sem vergonha rouba/mata e ainda quer colocar a culpa disso na sociedade? E a imprensa, uma parte dela, abraça esse discurso de vitimismo??? Onde iremos parar desse jeito??? Chega!!!!

Vamos dar razão para quem tem. Não quer ir preso? Não faça coisa errada! Não quer ser alvejado pela policia? Não afronte! É simples! Basta andar pelo lado certo.

A tempo: como dissemos, a policial foi noticia no exterior também. Mas lá ela foi noticia de maneira boa, ou seja, foi louvada sua atitude. Pode parecer incrível, mas quem dá mais valor para nossa policia é o pessoal que mora em outro país. Aqui eles são execrados por jornal X e Y. Por emissora de TV X e Y. E por ai vai… uma pena.

pm_exterior

Esse artigo foi uma ideia da Tay. Seu nickname no twitter é @tahardd. Sigam ela!

Em breve, um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2018