Quem é Ciro Gomes? | Politicos Do Brazil
Quem é Ciro Gomes?
Por admin
29/05/2018

Com a proximidade das eleições presidenciais de 2018, vamos iniciar uma série onde pretendemos falar um pouco dos candidatos ao mais alto cargo da nação.

Mas será um pouco diferente. Não iremos falar de quem está lá no topo, no caso Jair Bolsonaro (mesmo porque já falamos dele em outra oportunidade), iremos falar de outros candidatos que detém uma determinada porcentagem da preferencia do eleitorado. Por ordem iremos começar com Ciro Gomes e em seguida falaremos de Marina Silva, Manuela D’Ávila, Guilherme Boulos e Geraldo Alckmin.

Você que vai ler esse artigo e é do Ceará, fica ligado porque talvez tenhamos informações sobre Ciro que você desconheça. Preparados? Simbora!

Ciro Ferreira Gomes nasceu em Pindamonhangaba (sotaque de nordestino), é um politico, advogado e professor universitário filiado ao Partido Democrático Trabalhista (PDT) do qual é vice presidente nacional. Ocupou altos cargos na politica do país, todos pelo Ceará onde é radicado desde 1962. Foi deputado estadual (83-88), prefeito de Fortaleza (89-90), governador do Ceará (91-94), ministro da fazenda do Brasil (94-95), ministro da integração nacional do governo lulista (2003-2006) e deputado federal (2007-2011). É formado em direito pela Universidade Federal do Ceará. Foi professor de direito tributário e constitucional. Escreveu 3 livros na área de economia política. No setor privado ocupou os cargos de presidente da TransNordestina S/A e foi um dos diretores da Companhia Siderúrgica Nacional. É irmão dos também políticos Cid Gomes e Ivo Gomes. Seu pai foi prefeito de Sobral por 3 mandatos e seu tio foi prefeito de Itapipoca em 1992 e deputado estadual em 1982. Fonte: WIKIPEDIA

Como se pode ver Ciro Gomes tem uma extensa carreira politica que converge inclusive com sua família, que vem a muito tempo ocupando cargos importantes no estado do Ceará. Um fato curioso que pouca gente sabe diz respeito ao tempo em que ele foi ministro da fazenda no então governo do presidente Itamar Franco. Naqueles anos a automobilística brasileira Gurgel procurava outro estado para receber sua fábrica que passava por algumas dificuldades financeiras e achava que o Ceará poderia lhe abrir as portas, fincando ali uma nova fábrica para absorver a mão de obra da região. Porém coube a Ciro e familia fechar as portas do estado para Amaral Gurgel, patrono da marca, e assim a empresa acabou indo à falência e seu presidente acabou morrendo de desgosto pouco depois. Isso não é fábula e muito menos um delírio histórico. É uma história verídica que pode ser vista no documentário “Sonhos Enferrujam”, disponível no Youtube.

Essa foi apenas uma das peripécias do coronel frustrado Ciro Gomes.

Ele é sempre um personagem rico em histórias. A lamentar é que quase sempre são histórias nenhum pouco agradáveis. Como da vez em que ele humilhou uma mulher na porta de um hospital apenas e tão somente porque ela perguntou a ele o motivo de investir dinheiro na Copa 2014 e não na saúde que, como todos sabem, sempre foi um problema para o nosso querido país. A resposta dele foi ridícula, carregada de muito ódio e despreparo. Típico dele.

Como esquecer também a vez em que ele bateu boca e tentou agredir manifestantes em Fortaleza,  que chamavam seu irmão Cid Gomes de ladrão. Ah, mas ele estava defendendo a honra do irmão. Primeiro que o irmão dele não tem necessariamente tanto honra assim para precisar de defesa. Segundo, que a maneira como ele se dirige as pessoas mostra o total nível de maluquice que ele sempre faz questão de demonstrar em suas atitudes.

A entrevista concedida ao jornalista Luis Nassif onde ele diz que receberia o juiz Sergio Moro “a bala” também gerou grande repercussão em toda mídia. Ele diz textualmente que “se Moro resolver lhe prender, ele o receberá e sua turma na bala, caso eu não tenha feito nada errado”. Um absurdo completo, quase tanto da vez em que Luiz Inácio mandou o juiz enfiar o processo no rabo.

O candidato a presidência ja foi casado com a atriz global Patrica Pillar durante 12 anos. Mesmo tendo ao lado uma mulher bonita e realizada profissionalmente, não deixou de abrir a boca para falar besteiras, sendo acusado de machismo por uma declaração infeliz. Como diz o Faustão, esse é fera, tanto no pessoal quanto no profissional.

A sua penúltima briga foi com o ativista Arthur do canal Mamãe Falei, que repercutiu muito nas mídias sociais. Tudo por causa de uma pergunta inocente, o metido a “coroné” deu um pescotapa no rapaz, sem o menor constrangimento. Mais um dos muitos absurdos em que o cidadão está sempre envolvido. Esse gosta viu…

Como dito no começo do artigo, mais uma vez Ciro Gomes será candidato a presidência da República. Nas outras vezes, ele foi terceiro colocado em 1998 e ficou em quarto no pleito de 2002. Dessa vez ele vem com apoio de alguns artistas da esquerda, entre eles Caetano Veloso, algo que ele não conseguiu nos pleitos anteriores. Não que isso vai ajudar muito, como de fato não ajudará, mas veicular seu nome ao de um grande nome da MPB pode lhe ajudar de alguma maneira, nem que seja para ser assessor de imprensa do cantor. Vai saber, né?

Ah… Ciro disse certa vez que não ve consistência na condenação de Luiz Inácio pelo juiz Sergio Moro e considera a prisão um absurdo, defendendo plenamente a absolvição do condenado petista. Ele chegou ao cumulo de sugerir um sequestro para que Luiz Inácio não fosse preso. Um homem que delira em todos os sentidos, não é mesmo?

As pesquisas para 2018 dão Ciro Gomes com números entre 5% e 6%. Numericamente falando são baixos, mas se formos fazer uma proporcionalidade o número de possíveis eleitores pode chegar a impressionantes 12 milhões de votos! Isso dá a população de muitos países juntos! Gente pra caramba!

Essa é um pouco da ficha corrida de Ciro Gomes. Não sei se notaram, mas não mencionamos nenhum projeto de autoria dele, simplesmente porque não temos conhecimento de nenhum. Claro que se você que chegou até aqui vai votar nele, seja lá por qual motivo, e conhecer algum projeto interessante de sua autoria, fique a vontade para colocar nos comentários. Iremos ler tranquilamente, assim como faremos com todos. O espaço é democrático, ok?

Em breve, um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2018