Qual sua opinião sobre o aborto? | Politicos Do Brazil
Qual sua opinião sobre o aborto?
Por admin
17/06/2018

Um fato que ocorreu na Argentina nessa semana que passou causou alvoroço no mundo todo. Especialmente em países majoritariamente católicos ou cristãos, seja o nome que queiram dar.

O nosso vizinho sul americano aprovou, via câmara dos deputados, o aborto em todo território nacional. Pra quem não sabe ou nunca teve interesse em saber, a Argentina é simplesmente a pátria de nascimento do atual Papa Francisco. É o famoso côncavo e convexo, de onde sai o homem que luta pela vida, sai também uma lei que interrompe uma vida ainda dentro do útero da mulher.

Alguns grupos extremistas, entre eles as feministas, acharam essa lei Argentina um “avanço” porque, segundo elas, o corpo é delas e elas fazem o que quiser com ele. Mas… elas se deram conta que, mesmo o corpo sendo delas, quem decidiu se o aborto pode ser feito ou não é justamente o Estado? Curioso, no mínimo.

E pra deixar ainda mais nefasta essa história, o próprio Papa já acenou dizendo que para ele o aborto é a mesma coisa que os nazistas fizeram, quando quiseram impor a raça pura na Alemanha, a chamada eugenia, ou num termo mais popularesco chamar de “nazismo de luvas brancas”.

Aqui no Brasil o tema é amplamente discutido a muito tempo. Tem os que são contra, em sua maioria pessoas que são favoráveis à vida, e tem os que são favoráveis, invariavelmente esquerdistas que não estão nem ai pra vida de ninguém. Basta ver que até a favor do assalto eles (as) são!

Voltando um pouco, dizer que o aborto é um “direito” da mulher e que ela pode decidir o que fazer de seu corpo é meio falacioso, pois se prestarmos bem atenção nesse tema, um ponto salta aos olhos: se o corpo é seu, por que você tem que decidir justamente pela morte de uma criança indefesa, ao invés de você mesmo não acabar com sua vida? Oras, que culpa a criança tem?

E não venham dizer que um feto não é uma criança. É sim! A partir do momento da fecundação, ali já tem uma vida, com sua formação em andamento, seu coraçãozinho batendo aos poucos e esperando ansiosamente para vir ao mundo.

Em qual situação o aborto seria “considerável”? Em casos de estupro, onde a mulher não quis transar e muito menos engravidar daquele monstro. Nesse caso, em especial, o ato em si é compreendido tranquilamente. Agora, naqueles casos onde nenhum dos dois se precaveram e veem na morte da criança uma “saida” para seus erros é um acinte e deve ser punido com prisão! Afinal, você está matando uma vida! Isso é homicídio!

Quer dizer, não na Argentina que agora legalizou de vez o aborto.

E você, caro (a) leitor (a), que opinião tem sobre esse tema? Você é favorável? É contra? Deixe sua opinião nos comentários.

Em breve, um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2018