Momento histórico: Eduardo Cardozo cita o “grande” Tomás Turbando! | Politicos Do Brazil
Momento histórico: Eduardo Cardozo cita o “grande” Tomás Turbando!
Por admin
17/06/2016

O impeachment de Dilma Rousseff está se tornando um momento incomum na história politica brasileira do Brasil verde e amarelo varonil.

Muitos fatos estranhos vem acontecendo desde aquela votação, onde o maior astro foi o politico palhaço Tiririca e seu SIM que arrancou muitas risadas. Um verdadeiro circo.

Desde aquela data, sucessivos acontecimentos estranhos e pitorescos se amontoam nos noticiarios e jornais do Brasil e do mundo também, afinal, querendo ou não, o Brasil é noticia seja pro lado bom ou pro lado ruim.

Uma figura patética vem se destacando nesse intervalo de tempo, tentando a todo custo justificar o injustificável, ou seja, a defesa de Dilma “saudando a mandioca” Rousseff.

O cidadão em questão foi Ministro da Injustiça no goveno da Dama de Vermelho, mas com o afastamento dela, ele acabou perdendo a boquinha no governo. Foi chutado nos fundilhos… merecido.

Ele tentou por diversas vezes barrar o processo de impeachment, mas tomou bola nas costas em todas as tentativas, acumulando derrotas atrás de derrotas… é um perfeito derrotado, né?

Seu nome é José Eduardo Cardozo, inclusive já fizemos um artigo aqui para “homenageá-lo”. Segue o LINK para seu divertimento.

Agora como advogado de Dilma Rousseff, ele foi chamado novamente para fazer a defesa de sua cliente, uma dentre muitas que ele teima em fazer. Esse é insistente.

Só que dessa vez ele foi traido pela sua própria equipe e proporcionou um momento histórico da politica nacional. Um momento que tem que ser visto e revisto tantas vezes quantas forem necessárias para entender o circo que a nossa politica se transformou.

Ao fazer uso da defesa para sua cliente, o doutor Eduardo Cardozo citou o nome de vários juristas, mas o momento de glória foi quando ele, ao invés de citar o nome do jurista Thomas da Rosa de Bustamente, ele citou o “famoso” Tomás Turbando. Foi o suficiente para se ouvirem gargalhadas aos borbotões. Os parlamentares ali presentes chegaram a chorar de tanto rir.

Assistam esse momento épico no vídeo abaixo:

Segundo o site Blasting News, Cardozo foi vitima de um “cacófago”, que nada mais é do que uma figura de linguagem que faz um nome ser parecido com outro.

Sinceramente nunca ouvimos falar desse “cacófago”, o importante mesmo foi ver o nivel de inteligencia abaixo de zero do cidadão que nem ao menos consegue distinguir nomes tão diferentes e passa maior vergonha, se bem que não acreditamos que ele tenha um pingo disso.

O fato foi muito difundido em vários sites e portais como vocês podem ver AQUI, AQUI, AQUI e AQUI.

Fatos assim só reforçam a tese de que a saida de Dilma Rousseff foi a melhor coisa mesmo que poderia ter acontecido para nossa soberana democracia. Pessoas como Cardozo não podem mais serem ouvidas nem em concurso de piadas. São um atraso para o país.

Até o próximo artigo!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2019