Anitta e Joao Doria, dois exemplos da hipocrisia esquerdista! | Politicos Do Brazil
Anitta e Joao Doria, dois exemplos da hipocrisia esquerdista!
Por admin
14/08/2020

Dizem que agosto é o mês do cachorro louco. Pode ser, mas nesse pais diferentão, agosto pode ser chamado também, pelo menos nesse ano de 2020, de mês dos comunistas loucos.

Em menos de uma semana, dois casos curiosos roubaram a cena no nosso querido Brasil sil sil e, em ambos os casos, a hipocrisia esquerdista foi plenamente escancarada.

O primeiro caso sui generis ocorreu com a cantora (!) de nome Anitta. Sim, aquela mesmo que no começo de sua espetacular carreira ficava praticando danças de gosto duvidoso e que atendia ainda pela alcunha de MC Anitta.

Ela conseguiu um status que jamais imaginou que alcançaria e hoje é presença constante em shows pelo Brasil afora, até no estrangeiro e bate cartão em vários programas de televisão, em especial na rede Globo de televisão. É amiguinha de Fátima Bernardes.

Pois bem, com a fama repentina ela se achou no direito, depois da eleição do presidente Jair Bolsonaro, de dar seus pitacos políticos, regados com muita inteligência. Ativado o modo ironia com extremo sucesso.

Quem não se lembra da pérola que ela soltou, quando disse que a bosta da vaca poderia roubar o oxigênio do mundo, causando uma tragédia sem precedentes na história da humanidade. Tudo isso porque, do auto da sua sapiência, ela teceu críticas ao governo federal, dando a entender que os problemas da Amazônia são oriundos desse governo, esquecendo completamente dos estragos incalculáveis feitos por Dilma, 9 dedos, Marina Silva e assemelhados. Sinceramente, a moça é uma porta.

Só por essa jumentice, ela já merecia o troféu de toupeira do século. Mas como para essa gente passar vergonha é um estado de espirito, ela voltou a atacar alguns meses atrás.

Como todos sabem, estamos vivendo uma pandemia mundial, criada pelo governo chinês, e o mundo inteiro está tendo sérios problemas.

No Brasil, é claro, não poderia ser diferente. Mas como cá tudo tem que ser diferentão, eis que o presidente da República não pôde tomar medidas contra o vírus. Tudo porque o STF, mais conhecido como Supremo Tribunal do Fascismo, resolveu tirar essa prerrogativa do presida e dar autonomia total e irrestrita aos governadores e prefeitos, resultando nas mais de 100 mil mortes, até o momento em que escrevo esse artigo.

São números escandalosos e que colocam nosso querido país numa situação complicadíssima.

Evidente que não são 100 mil mortes causadas pelo vírus. Eu já falei sobre isso num outro artigo. Aqui os números foram inflados, colocando outras causas de morte nas costas do vírus. Em resumo, a doença foi politizada. Norrrrmal!!!

Bom, nesse cenário patético, eis que a pateta Anitta resolve seguir a narrativa esquerdista do #fiqueemcasa, dizendo (especialmente em programas da Globo) que os brasileiros têm que ficar em casa e se proteger do vírus, que na opinião abalizada dela não escolhe quem vai infectar.

O discurso foi enfático. Bonito. Carregado de emoção.

Mas, porém, contudo, todavia, nada que vem desse povo merece aplausos. Muito pelo contrário. Eles seguem uma regra básica. Façam o que eu digo, mas não façam o que eu faço. Bem cômodo, né?

E seguindo a regra de ouro da esquerda, eis que num arroubo de burrice, a senhorita Anitta foi pega com a boca na botija. Explico a seguir…

Apesar de pregar o #fiqueemcasa, a moçoila foi vista numa megafesta na Itália. Pausa aqui. A Itália foi o epicentro da pandemia, com milhares de mortes, especialmente dos idosos e ao que se sabe, o vírus não foi controlado por lá. Aliás, não foi controlado em lugar nenhum do mundo.

Nessa festa, com muitas pessoas sem máscara e sem distanciamento social algum, a senhorita Anitta foi vista, ao que consta, beijando pessoas estranhas, sem o mínimo pudor e consciência social. Mostrando o baixo nível de inteligência, ainda deixou ser fotografada sem máscara e nenhum equipamento de segurança. Um absurdo completo. Mostrando uma absoluta falta de amor ao próximo. Enfim, sendo esquerdista raiz.

Preciso dizer aqui o seguinte. Essa moça é desprovida totalmente de inteligência para qualquer coisa. Muita gente acha que ela conseguiu um status na música por sua inteligência singular na maneira como administra sua carreira. Nada disso, ela mesmo já mostrou por diversas vezes ser um ornitorrinco quando abre a boca e com suas atitudes. A grande sorte de sua vida é ter uma gravadora extremamente competente, além de uma pessoa capaz e que administra muito bem sua carreira musical. Apenas isso.

E o Joãozinho Tranca Rua hein?

O outrora cidadão que dizia não ser político e sim um gestor, é responsável SIM indiretamente pelos milhares de mortes em SP. Com sua política sanitarista autoritária e sem nenhuma base cientifica comprovada, jogou os paulistas para a boca do inferno, levando milhares de famílias ao desemprego, fome e morte.

Desde o começo, ele sempre deu de ombros para doença, chegando a dizer que a pandemia não chegaria com força total em SP e, pasmem, liberando o carnaval da cidade, o segundo maior do Brasil, com milhares de estrangeiros trazendo a doença pra cá, infectando os paulistas e, por tabela, milhares de brasileiros de outros estados que aqui estiveram durante os 4 dias de festa satânica.

Quando ele viu o sapato apertar, o que fez? Ao invés de usar bases cientificas eficazes, ele simplesmente mandou o #fiqueemcasa como única forma eficaz de travar a expansão do vírus chinês. Evidente que não deu certo. Não precisaria ser muito inteligente para perceber isso, mas inteligência não é o forte do Joãozinho Calca Apertada.

Se aproveitando da ordem do STF, ele fez o que quis em SP. Medidas idiotas aos montes. Suspeita de superfaturamento em insumos no combate ao vírus, até avental cirúrgico entrou na festa, além de quarentenas infindáveis, fizeram o estado governado pelo cidadão bater recordes e recordes de contaminados e, óbvio, de mortes.

Só um adendo aqui. Eu disse alguns parágrafos atrás que os números das mortes foram inflados. Pois bem, o senhor Doria mandou, via portaria, que mortes de causas DESCONHECIDAS deveriam OBRIGATORIAMENTE ser computadas como COVID19.

Nessa bagunça toda, onde ninguém se entende, eis que um baque tomou conta da equipe do governador. Seu secretário de saúde, David Uip, contraiu o vírus. Contrariando o juramento dos médicos, ele simplesmente ignorou a imprensa e disse não ter MOTIVOS para dizer qual medicamento teria tomado para se curar. Em países desenvolvidos, ele perderia o CRM na hora.

Só que nada fica escondido para sempre. Uma imagem de um receituário médico circulou na internet e, pasmem, era o receituário do paciente David Uip, que foi medicado pelo médico David Uip e adivinhem qual foi o medicamento indicado? A tal de cloroquina. Que coisa hein?

Meus caros, ao invés do governador expor essa medida à toda imprensa, para todos tomarem conhecimento disso, eis que ele simplesmente sumiu com o senhor Uip, visto que ele nunca mais apareceu nas coletivas do governador. Por que isso? Será que a narrativa esquerdista contra o presidente é mais importante do que salvar milhares de vidas?

Isso posto, o próximo a ser infectado foi Bruno Covas. Mas esse declarou que tomou o medicamento. O que aconteceu? A relação entre os dois ficou estremecida. Santo DEUS, é muita ignorância e falta de amor ao próximo. Chega a dar nojo!

Bom, tanto David Uip quanto Bruno Covas estão curados!

Aí veio a outra bomba. Joãozinho Tranca Rua esta infectado! Fujam para as colinas!

Oras, e o tal do #fiqueemcasa? E as medidas autoritárias de confinamento? E o fechamento do comercio? E as empresas que faliram? Tudo isso foi em vão. Se o mandatário estadual se infecta, sinal que tudo está errado. Desde a obrigação de usar máscara, até o distanciamento social!

E então chegamos à um impasse. Doriana vai tomar cloroquina? Segundo ele disse na CNN, não irá tomar, porque segundo ele seus médicos não indicaram o medicamento. Agora, vocês sabem que é o médico dele? O senhor David Uip! Perai… se o próprio médico tomou a cloroquina, como esse débil mental vem numa rede de tv dizer que o médico dele não indiciou o tratamento com o remédio? É muita cara de pau e muita hipocrisia! Um modelo exemplar de esquerdismo doente, irracional e mortal. A cartilha de Lenin e Stalin está sendo seguida à risca!

Em breve, um próximo artigo. Até lá!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2020