O PT é um partido odiado! | Politicos Do Brazil
O PT é um partido odiado!
Por admin
01/06/2016

Pode parecer meio forte o titulo desse artigo, mas essa é a pura realidade.

Hoje vivemos uma disputa ferrenha de ideologia partidária. Se você vota no X, você não vota no Y, isso é fato e dificilmente vai mudar em pouco tempo.

Mas pra um partido em especial, a repulsa é gigantesca.

O PT, criado nos anos 80 pra ser um partido do povo, pelo povo e para o povo, se perdeu ao longo de sua história.

Vejam… não necessariamente era essa a metodologia do partido, mas foi esse “peixe” que ele vendeu. Se levarmos em conta a época em que o partido foi criado, onde muita gente foi enganada dizendo-se que vivíamos numa ditadura, a criação do partido foi como que uma “salvação da lavoura”.

O partido, que saiu de um sindicato, se fortaleceu demais. Em 35 anos é hoje o segundo maior partido do país em representatividade.

Oras, se um partido inicialmente criado para o povo teve esse crescimento estrondoso, é natural imaginar que o povo em si teria chegado ao seu apogeu, certo? Errado!

Infelizmente o que se viu foi exatamente o contrário.

A ganância pelo poder e dinheiro fez o partido e seus correligionários ficarem sedentos e cegos. Pra eles, o que importa hoje é o poder pelo poder e que se dane o povo, que foi sua visão politica de outrora.

Só que essa situação não vem de hoje, nada disso…

O general Geisel, então presidente do país durante o regime militar, foi incumbido da missão de tornar o PT um partido político. E ele fez. Mas, do alto de sua sabedoria, proferiu uma frase sobre o partido que ficou para história.

geisel

Ele foi duro? Infelizmente (para seus militantes) ele foi correto. Foi nisso mesmo que se transformou o partido. Uma pena, pois as ideias eram ótimas…

Atentem para o fato que a “profecia” foi feita à mais de 30 anos. E continua atualíssima.

Outro grande personagem da política nacional, o ex deputado Roberto Campos também deu sua opinião sobre o PT.

Mais uma vez as palavras “duras” se tornaram realidade. Incrível como só os eleitores do PT nunca se deram conta disso, não é mesmo? Seria cegueira ou um amor incondicional, tipo daqueles que alguns alemães tinham por Hitler ou russos tinham por Lenin e Stalin???

campos

Quando li essa frase, eu imediatamente pensei na CUT, na UNE e nos “artistas e intelectuais” que votam e militam à favor do PT. Esse Roberto Campos era mesmo um homem à frente do seu tempo…

O que vemos hoje é uma ojeriza monstruosa em relação ao PT e mais ainda em relação ao seu maior nome, o sr Luis Inácio Lula da Silva. Os números referentes ao partido e ao seu fundador e presidente de honra são impressionantes e mostram claramente que o partido se afundou no seu próprio ego.

Paulo Francis, um dos maiores jornalistas brasileiros, foi critico e certeiro ao se referir ao partido.

francis

Observando os constantes casos de corrupção que o partido se envolveu desde o caso Celso Daniel, passando pelo mensalão, petrolão, BNDES e hoje culminando com a operação Lava Jato, o que se vê é a consumação de tudo que esses grandes nomes citados aqui no artigo falaram.

O PT se perdeu ao longo do tempo e hoje é um partido ODIADO. Seus representantes são diariamente criticados nas redes sociais, com críticas severas e as vezes chegando ao ódio extremo.

Segundo esse artigo que saiu no site Hoje Em Dia, assinado pela Giulia Mendes, o partido precisa se reinventar para voltar aos seus “dias de glória”. Será?

A queda de Dilma Rousseff vai definir os rumos do partido daqui pra frente. Em 35 anos de existência, o partido conseguiu chegar ao auge e descer ao inferno.

Os próximos 35 anos, se é que o partido conseguirá chegar até lá, vai mostrar realmente se o PT aprendeu com seus erros ou vai continuar batendo na mesma tecla.

Até o próximo artigo!

Um blog que fala de política, que não tem rabo preso com partido algum e apenas transmite as noticias cotidianas da política nacional e internacional.
Todos os direitos reservados - 2014 - 2020